Aos 263 picaretas que se pronunciaram ontem na Câmara pelo arquivamento da denúncia contra Temer pouco importava o futuro do país. Seus interesses miravam exclusivamente as propinas milionárias a serem embolsadas. Em discursivos gritos mentirosos disseram que preferiam adiar para 2018 as investigações contra o presidente. E que estavam apostando na estabilidade econômica, na aprovação da reforma previdenciária e trabalhista. Safadeza da mais pura! Só estavam camuflando, perante o eleitor assistindo pela TV, seus atos rasteiros. Afinal, daqui a alguns dias, estarão de volta aos palanques buscando recondução ao cargo…. . Pior ainda, a maioria deles, inclusive, envolvida na Lava-Jato, votava buscando apoio do Planalto contra a PF. Os referidos trambiqueiros sabem também, como ninguém, que seus votos vieram de encomenda aos projetos do sempre candidato Lula. Nada mais fizeram que abrir as portas do Planalto às pretensões do rei barbudo, caso não seja preso. Explico: Temer, no seu restante mandato, estará exposto, diariamente, a um profundo desgaste político por conta de seguidas delações premiadas (mais de 10) envolvendo seu nome em crimes hediondos, próximas de serem anunciadas, além de mais duas denúncias de Janot também na iminência de publicação. Do Planalto, portanto, todos os dias se verterá sangue fresco para saciação do rei barbudo. Enfim, acusações rotineiras de escândalos nos meses vindouros das quais Lula se deliciará. E tudo de graça sem precisar de palanque. Sim, pois o petista é como o próprio diabo que se torna assanhado ante o cheiro de desgraça. Só se satisfará quando tiver bebido o sangue do seu ex-companheiro de aliança. Com certeza, haverá de se esbaldar!

Facebooktwitterpinterestlinkedinmail
rss